Passando por uma barra… Mas Deus vai ajudar. Amém.

Bem, como vocês sabem minha mãe está doente e não sabemos a origem da doença dela ainda…. estamos indo aos médicos e tentando descobrir o que pode ser, tentando marcar os exames, porque ela está em período de carência no plano de saúde dela e pra ela poder fazer alguns exames fica bem caro… então estamos indo devagar… fazendo as coisas aos poucos…

Nisso eu saí ontem e quando cheguei em casa minha mãe nem tinha dormido direito e ela estava da pá virada…. durante minha saída ela já tinha me enviado algumas mensagens bem preocupada com a ida dela ao médico na manhã de hoje dizendo “Oi tá tudo bem, não esquece que amanhã temos compromisso liguei pra Prevent e a moça falou que é pra chegar lá as 11 hs para ir na recepção… blablabla” “Tô avisando porque sei que você se preocupa muito com minha saúde bjs”.

Mas quando cheguei em casa ela disse que já tinha me ligado pra me dizer que não ia mais no médico no dia seguinte! E eu não entendi nada… mas como já conheço essas crises da minha mãe de negatividade que ela entra de vez em quando resolvi nem discutir e falei “você vai sim”, “você tem consulta marcada a meses e amanhã é o dia de ir e você vai”. Ela estava chateada com alguma coisa… não sei se foi porque cheguei muito tarde em casa, não sei o que foi….. mas ela começou a falar que o lugar era longe, que ela devia ter marcado no credenciado que era mais perto que ela ia remarcar a consulta dela … e eu falei “negativo. amanhã nós vamos pegar um uber e vamos lá na Penha e foda-se é isso. Você vai. Nem que seja só dessa vez e na próxima você vai no mais perto, mas amanhã você vai na Penha. Não quero nem saber. Eu já cheguei em casa, fiz tudo que falei pra você que ia fazer e não quero saber. Agora vai dormir pra acordar cedo amanhã. Não vou discutir com você.”

Ela tava bem cricri.

E fui dormir também… no dia seguinte ela acordou e me acordou, eu dei uma enrolada pra acordar que eu tava morta, de ressaca, com dor de cabeça meio podre… mas aí ela falou “Maíra, são 10:20 vamos…”. Aí peguei, botei a primeira roupa, joguei uma água na cara, peguei minhas coisas e fomos.

Nossa uma viagem até lá…. mas minha mãe passou pela consulta com a médica, a médica examinou ela disse algumas coisas que me deixaram mais preocupada ainda… e voltamos pra casa.

Sabe… eu tenho percebido que eu não tenho conseguido nem comer direito ultimamente… não sinto fome… acho que fico muito preocupada com minha mãe… e fico me consumindo…

Já expliquei pra ela também que eu não vou deixar de viver minha vida pra “adoecer com ela” … que eu vou continuar saindo quando eu quiser, fazendo minhas coisas, indo pra faculdade, estudando e abrindo mão de certas coisas quando for necessário como hoje que eu tinha uma entrevista de estágio pra ir as 14:30h e não fui porque fui ao médico com ela… em fim… tem coisas que eu abro mão, tem outras que eu vou continuar fazendo – e às vezes faço até merda e não deveria fazer – mas preciso melhorar mesmo, só que vou continuar vivendo e cuidando dela e que ela tem que entender isso.

Outra coisa que cheguei á conclusão é de que mais uma vez, vou ter que adiar meus planos para redes sociais e blog e essas coisas… porque acredito que todo dinheiro que temos agora deve ser investido no tratamento dela.

Ela já vai fazer uma ressonância dia 14 agora, ás 3 da manhã, eu vou junto… vai ser numa quinta feira, quando não tenho aula… e agora estamos correndo atrás de fazer a colonoscopia e a endoscopia dela. Pra poder investigar a causa da dilatação do estômago dela.

Enfim. Estou preparando o suco de Chlorella e Spirulina pra ela pra ela tomar e se sentir melhor, talvez por ser algo tão benéfico ao corpo ela tenha alguma melhora… procuro também colocar vários documentários de corrente positiva pra ela assistir no Netflix, e agora graças a Deus ela parou de assistir os vídeos sobre política que ela vinha assistindo no youtube! Deus é mais. hahaaha

Falei pra ela assistir umas comédias no Netflix, coisas que fizessem ela rir, deixassem ela de alto astral… positiva… de energia pra cima.

E ela hoje começou a assistir esses filmes. Já estou mais feliz também com a atitude dela.

Falei pra ela que a gente ser positiva não é só quando a gente tá com 10.000 a mais na conta do banco.. quando tá tudo bem… que pelo contrário.. que a gente tem que se mostrar positivas quando as coisas estão todas na merda e a gente mesmo assim enxerga as coisas boas que a gente já passou e até aonde a gente já chegou e tudo ainda que a gente vai ser abençoado.

Ela disse que de vez em quando bate um desânimo nela… mas eu falei pra ela não ficar assim, pra ela ser forte.

Que a primeira que tem que acreditar na cura dela tem que ser ela.

Falei do pai de um amigo meu que teve câncer de próstata ano passado ou retrasado e passou por um longo tratamento… e hoje ele está bem. Fez todo o tratamento, acreditou que iria ser curado e se curou. Ele fez até várias consultas pela Dr. Consulta… (isso é verdade, meu amigo falou pra mim eu me lembro) e falei pra ela que ele era da Prevent Senior pra dar mais força pra ela. Não sei se ele era da Prevent… mas isso importa? O que importa é que ele está curado. Ela precisa acreditar nisso também, que doenças vem e vão embora. E ela se cura.

Acho que nunca fui tão próxima da minha mãe como sou hoje em dia e não me sinto devendo nada pra ela. Eu não sinto como se tivesse que cobrar nada dela e acho até que eu gostaria de fazer mais por ela e me sinto as vezes um pouco incapaz de fazer as coisas e me sinto meio pra baixo… Mas procuro entender que as coisas as vezes fogem do nosso controle. E procuro fazer o meu melhor.

Acho que é isso… espero estar compartilhando essa história com vocês e dar forças pra quem estiver passando por uma barra como também estou pra nunca desistir de lutar. Lutar por quem cuidou de você a vida inteira, quem levou você pras festinhas de criança, quem ia nos seus ensaios da escola, quem te ensinava as lições de casa, quem cuidava de você quando você ficava doente quando era pequeno e sempre acreditou que você ia chegar a algum lugar um dia na vida. Essa pessoa quando envelhece precisa da sua ajuda e, acima de tudo do seu amor. Da sua insistência. De que você não desista dela mesmo quando ela mesma está desistindo de si própria.

As coisas VÃO MELHORAR. Basta ter fé e paciência. Fazer o tratamento bonitinho e priorizar as coisas. Que a saúde se restabelece. Nosso corpo é fantástico. Ele tem a capacidade absurda para se curar. Nosso estado natural é da saúde. Da cura. E não da doença. E Deus quer ver a gente bem. Então as coisas vão ficar bem sim.

Vamos ter fé.

Amém.

VisionBoard4