Informativos de Jurisprudência: o que são e como estuda-los.

Além de cobrarem doutrina, legislação e súmulas, alguns concursos exigem também do candidato o conhecimento dos informativos de jurisprudência dos tribunais, que basicamente são resumos do que foi julgado pelo STF, STJ, TST, TSE e, mais raramente, tribunais estaduais e regionais.

Em regra, concursos para técnico e analista de tribunal, Ministério Público e Defensoria Pública não exigem o conhecimento desses informativos, muitas vezes visto como “doutrina” quando do estudo de livros, sinopses ou resumos.

Por outro lado, os bacharéis em Direito que fazem concursos para as carreiras jurídicas (Magistratura, Ministério Público, Defensoria Pública, Advocacia Pública e Delegado de Polícia), principalmente aqueles que se submetem a certames da banca CESPE, devem ter conhecimento dos informativos de jurisprudência.

Mas saiba que o estudo dos informativos não é nenhum “bicho papão”! Vejamos algumas dicas rápidas de como estuda-los:

 

1) Que informativos estudar?

Os concursos geralmente exigem o conhecimento tanto da jurisprudência do STF, quanto do STJ. Nas carreiras trabalhistas, imprescindível acompanhar os informativos do TST. Na Magistratura Estadual também se cobra a jurisprudência do TSE.

 

2) A partir de quando estudar informativos?

Em regra, o que é cobrado em provas é o conhecimento de informativos de até um ano antes da realização da prova – quanto mais perto, maior chances de cair!

Em uma dica simples (dada nesse vídeo), Gerson Aragão sugere que se comece a estudar um informativo recente e um anterior. Por exemplo, se iniciar pelo Informativo 856, do STF, leia também o 855. Depois, leia o 857 e o 854, e assim por diante. Assim, você não perde as decisões mais recentes!

 

3) Por onde estudar informativos?

Os próprios sites dos tribunais disponibilizam gratuitamente os informativos para consulta e você pode cadastrar seu e-mail para receber os novos a serem postados através do sistema push. Anote os links pra se cadastrar:

STF: http://www.stf.jus.br/portal/push/autenticarUsuario.asp

STJ: http://www.stj.jus.br/SCON/feed.jsp

TST: http://www.tst.jus.br/push

TSE: http://www.tse.jus.br/jurisprudencia/servico-de-push-informativo-tse

Vale lembrar que, quanto aos informativos do STF e do STJ, só mais recentemente se começou a separá-los por matéria. Antes vinham apenas separados por órgão julgador (Turmas, Seções, Plenário ou Corte Especial).

O Prof. Márcio Cavalcante, parceiro do Método de Aprovação, disponibiliza gratuitamente desde 2011 os Informativos desses dois tribunais, comentados e separados por assunto, no site www.dizerodireito.com.br, o qual recomendamos fortemente!

 

4) Como estudar os informativos?

Quanto aos informativos do STF, primeiramente cheque se não houve interrupção por pedido de vista de algum Ministro – esses julgados não foram concluídos e, portanto, não serão usados pelos examinadores do concurso. Essa informação geralmente vem no início ou ao final do julgado.

A principal ideia do julgado vem exposta na primeira frase ou antes da frase “com base nesse entendimento”.

Os informativos divulgados pelo STJ já estão concluídos e o resumo ou conclusão do julgado vem em uma frase em negrito, logo no início do julgado.

Esses trechos em destaque são bastante utilizados em provas objetivas. Já nas provas subjetivas e orais, é necessário entender também o raciocínio que levou o tribunal àquela conclusão, pois esse aprofundamento é necessário para melhor fundamentar suas respostas.

 

Com essas dicas, você terá um proveitoso estudo dos informativos dos tribunais e verá como é legal estuda-los, pois são a aplicação prática da interpretação da lei e da doutrina pelos tribunais, o que, muitas vezes, o ajudará a melhor compreender o funcionamento de institutos jurídicos.

 

Agora, ao trabalho!

 

Fonte:

http://blog.metododeaprovacao.com.br/informativos-de-jurisprudencia-o-que-sao-e-como-estuda-los/

Anúncios

Produções para o carnaval pra deixar qualquer um no chinelo!

Inspirada pela minha amiga Marina Amano eu resolvi postar os Looks dela que ela montou pro carnaval e sugerir onde vocês podem encontrar peças para se produzirem com baixo custo pra esse carnaVRAU 2019!

Se liga na produção da moça… ❤

Marina1Marina2

Linda né?

Bem do jeito que eu gostaria de me produzir também pra esse carnaval… 😀

E comecei a pesquisar aqui onde poderíamos encontrar peças assim para nos vestir dessa forma…

Encontrei no site Elo7 umas tiarinhas lindas por precinhos bacanas de R$ 25,00 para todos os gostos:

tiara-de-carnaval-sereia-sereia

tiara-de-carnaval-borboletario

 

Também achei uma lojinha mais cara que vende umas criações inusitadas…

Captura de Tela 2019-03-05 às 01.56.43

Captura de Tela 2019-03-05 às 01.57.45

E o nome dessa lojinha é G.Offer… https://www.goffer.co/

A produção da roupa é como a Marina fez mesmo: leve e descontraída…. pochetinha pra você guardar o celular e não ser roubada, guardar seu dinheirinho e otras cositas más; uma hot pant e um bikininho…

A roupitcha que ela usou como ombreiras de franjas pode ser encontrada nas marcas:

Instagram: _mercearia

mercearia

Instagram: iincendeia

Captura de Tela 2019-03-05 às 02.06.11

E a queridinha Instagram: Alalamoo

Captura de Tela 2019-03-05 às 02.14.48
Pra procurar por Hot Pants você joga no Google Shopping que você acha um monte…. de todos os preços…

E é isso… Pra montar um look bapho não precisa de muita grana, e sim de muito estilo!

E isso a Marina tem de sobra!

Beijos,

Mah!

 

Paz e amor…

Dia 23 aconteceu no Rio de Janeiro no clube Namastê na Gávea, a festa Take My Breath Away com Gui Boratto como atração principal e flyer liiiindo já chegou nas nossas caixas de email.

Confere aí:

guiboratto

XXX


E como os amigos do Rio são animados meixxxmo ein?! Saudadessss mil!

A festa Moist que acontece no clube MeiaNove lá na Farme de Amoedo promete começar na sexta á partir das 22:00 e só terminar no domingo… a sei lá que horas! Ai que tudo! E ai galera, rola uma video-conferência do after? LoL

O line up fica por conta do Bo$$ in Drama, Badenov e Gustavo MM.

bo$$indrama

O jeito é matar a saudade dos bons amigos, boas nights e bons tempos assistindo ao SexShake no Multshow.

Que aliás estava ótemo nessa última quarta feira com as meninas New Rave Gymnastics na praia da barra… 😉

sexshake01

XXX

E um blog legal nisso tudo: http://www.oesquema.com.br/urbe/tag/arte-de-rua/

Vai Venú!

Virada Cultural!!!

Virada_cultural

E mais uma virada cultural está programada pra acontecer em São Paulo. Serão 24 horas ininterruptas de festa em vários pontos da cidade, que conta com uma programação bem variada e metrôs funcionando 24 horas também no dias 2 e 3 de maio.

Então já sabe ne? Se tiver na cidade, se jogue nas baladinhas mas tb aproveite pra se jogar na virada!
Algumas sugestões que indico são:

XV de Novembro onde vai rolar Vivi Seixas, Mau Mau, Renato Lopes, Glaucia ++, Patife… entre outros.

Rua Anchieta onde rola uma galera do Studio SP, Inferno, Outs, CB, Funhouse, D-Edge, Vegas, Astronete, Clash, A Lôca, Glória… entre outros.

Também vai ter show do Nação Zumbi, CPM22, Vanguart e Matanza na Praça da República.

O cine Olido também vai estar ótimo, cheio de filmes bacanas de ver.

Pra saber da programação completa basta visitar o link: www.viradacultural.org

***

Original Artfacts.

Essa semana descobri o designer americano Matt W Moore na revista Computer Arts e fiquei maravilhada com o estilo das peças dele. Segundo o próprio, suas inspirações são a “geometria abstrata, combinações de cores vibrantes, composições dinâmicas, profundidade e contraste”.

Dá só uma olhadinha no trabalho dele:

mattwmoore

Matt Moore tem 2 décadas de experiência em desenho e pintura e resolveu criar em 2004 a série VectorFunk Series 1 e as ferramentas que utiliza são Illustrator, lápis, papel, tinta aquarela, papel para origami, estilete, cola, tinta acrílica e tinta enamel, além de uma tela em braco.

Na reportagem ele explica as possibilidades, principalmente com as cores e o fazer e desfazer quando se trabalha com desenho digital.

***

O mais bacana dessa revista é que vem com umas páginas sobre como fazer certos efeitos ou um tópico parar criar alguma coisa em softwares específicos.

Nessa parte, seleciono o ilustrador Ben The Illustrator que comentou sobre como usar a ferramenta blend.

E em especial, o Eric Carl que ensina como fazer colagens digitais absurdinhas onde mescla o universo da Moda e do Design como forma de expressão. Ele utiliza temas de caráter político e mescla elementos do passado, distorcendo e retrabalhando para surgir com algo mais autoral.

 

Comer… comer….

Fiiiiinalmente! Achei um lugar ideal para almoçar pelas redondezas da minha nova moradia. Hoje foi o dia mais feliz desses últimos meses em São Paulo.

Então, o lugar se chama Jardim e fica na rua Afonso de Freitas, na Vila Mariana. Lugar super fooofo, estilo uma casinha com clima aconchegante,  e com tudo o que um bom restaurante á kilo pode oferecer num almoço: saladinhas ótemas, hoje escolhi a de berinjela, cenoura e a de beterraba.
De proteína, um franguinho e adimito que me joguei no carboidrato por que vocês não imaginam a falta que eu estava sentindo de um purêzinho de batata!!! e também comi nhoque ao molho de tomate, mas que estava deliciosamente rosé.  Ah! e o que era a polenta frita?! Cro-can-te!!

Comida quentinha, cheirosa, bonita de se ver.  Adooooro!

Sabe, andei refletindo sobre a minha relação com a comida. Naquela hora, tô eu ali, ela ali também na minha frente e na boa, tem que se comer com prazer.  Não existe melhor sensação que a primeira garfada quando se tem fome. E a comida é boa, claro.

Em fim, recomendo!

***

Outro detalhe foi passar em frente á Casa Gourmet que tem a faixada mais incrível de todas, e pelo que minha mãe me disse, lá eles oferecem diversos cursos inclusive gratuitos e o que eu tô louquinha pra fazer é algum de gastronomia por que já que eu aaaaamo comer, quero aprender a cozinhar melhor. 😉

Com os pézinhos de fora…

Calor infernal nesse verão 2009, esse aquecimento global, esses corpos sarados andando pela orla, pela praia, é muito alvoroço… é muita gente de férias, de vários estados, turistas…. mas também gente que tá ralando, trabalhando, estagiando em fim, que não estão de brincadeira.

Nisso, voce, linda, perfumada e maquiada começa a se arrumar pra ir pro escritório, pra empresa, pro seu ambiente de trabalho ou pra dar uma voltinha por aí e pensa: O que é que eu vou calçar hoje?

Olha, essa semana fiz uma descoberta preciosa nas minhas coisas. A sandália com salto anabela! e minhas favoritas plataformas.

Sei que todo mundo continua falando nos tais modelos gladiadoras e o She-ha Power continua reinando nos Castelos de Gleiscon, nas lojas e nas ruas. E as famosas e indispensáveis rasteirinhas seguem firme e forte pra quem não abre mão do conforto e da casualiadade que elas proporcionam sem perder o charme feminino.

Mas vamos combinar que de anabela, o pé fica fresquinho, não fica tanto em contato com o asfalto evitando assim do pé ficar sujo e ainda ganhamos altura de top! Ah tah, vai… nem tanto! Mas uns 7, 10 centímetros a mais não faz mal a ninguém!

Escolhi alguns exemplos, alguns modelos que podem agradar aos mais diversos estilos da mulherada que está aí na rua andando pra lá e pra cá, pegando ônibus, taxi… carona… ou dirigindo um carro  em pleno mês de janeiro!

para_o_dia3

Essas são alegres, coloridas, super femininas e o salto grosso passa uma sensação de firmeza e garante uma boa altura, alongando o comprimento das pernas.

A azul e a vermelha são mais elegantes por terem as tiras em tecido e por não serem brilhosas ficam ótimas para o dia.
A vermelha já é mais romântica pelos detalhes de florzinha na plataforma.

A branca em couro passa sensação de elegância e poder, não só por ter uma textura croco mas pelo forro vermelho também. Essa pode ser usada de dia mas é coringa pros momentos pós trabalho-direto pra festa.

para_o_dia_2

Essas já são mais delicadas e mais, desculpe pelo termo que longe estou eu de xoxar, mulherzinhas. Ultra femininas.
O bacana é que a primeira e a última são monocromáticas mas tem textura o que dá um “tchan” na peça.
São discretas e tem um charme.

A segunda, é mais alegre e mais coloridona, é a mulherzinha em dias de felicidade por que pintou aquele freela extra! Ou por que descobriu onde comprar aquele blush carerérrimo-incrivel-tudo-de-bom com 40% de desconto!

para-festa

E para festas… só vou colocar um modelo.
Que verão é tempo de se cuidar, de malhar mais pesado, de prestar mais atenção com a saúde e com a alimentação e principalmente com as horas de sono. E pegar leve com o álcool.

Por que vira e mexe aparece nessas revistas aí os drinks que vão ser hit no verão, com frutas exóticas tipicamente brasileiras lááá do norte e do nordeste misturadas com vodegas importadas e afins.

Mas hello!!! Álcool desidrata horrores!! Voce fica lá indo ao banheiro mil vezes, e já tá suando… e o alcool ficando no organismo principalmente ali na área da cintura, sabe? dos ladinhos… pois é, menina!
Então pára tudo e se joga nos suquinhos. Que podem ser feitos com as mesmas frutas gostosérrimas e não ter o vilão número um do verão: o álcool!

agressivas

E como não poderia ficar de fora… as agressivas.

Ahhh como adoooro elas. Sandálias com personalidade forte. Impactantes que fazem referência á personalidade oposta das mulheres citadas mais acima. E que não deixam de ser femininas nem de gostar das frivolidades gostosas da moda.

Como já dizia aquele cara lá:

“A única coisa necessária é o superflúo”. Oscar Wild.

Gente, pelo amore!!!

Pernas longas, compridas, e finas ficam ótimas com esse modelo.

Se voce tem pernas curtas e grossas, não usem esse tipo de sandália!!!

O formato mais tijolão dela achata/pesa a silhueta! O corpo fica parecendo atarracado! A melhor opção são as sandálias das primeiras fotos, que por terem um formato mais ondulado suaviza e alonga as pernas além de dar aquela postura bonita.