Original Artfacts.

Essa semana descobri o designer americano Matt W Moore na revista Computer Arts e fiquei maravilhada com o estilo das peças dele. Segundo o próprio, suas inspirações são a “geometria abstrata, combinações de cores vibrantes, composições dinâmicas, profundidade e contraste”.

Dá só uma olhadinha no trabalho dele:

mattwmoore

Matt Moore tem 2 décadas de experiência em desenho e pintura e resolveu criar em 2004 a série VectorFunk Series 1 e as ferramentas que utiliza são Illustrator, lápis, papel, tinta aquarela, papel para origami, estilete, cola, tinta acrílica e tinta enamel, além de uma tela em braco.

Na reportagem ele explica as possibilidades, principalmente com as cores e o fazer e desfazer quando se trabalha com desenho digital.

***

O mais bacana dessa revista é que vem com umas páginas sobre como fazer certos efeitos ou um tópico parar criar alguma coisa em softwares específicos.

Nessa parte, seleciono o ilustrador Ben The Illustrator que comentou sobre como usar a ferramenta blend.

E em especial, o Eric Carl que ensina como fazer colagens digitais absurdinhas onde mescla o universo da Moda e do Design como forma de expressão. Ele utiliza temas de caráter político e mescla elementos do passado, distorcendo e retrabalhando para surgir com algo mais autoral.

 

Anúncios

I-grassi.AI

Olá amigas e amigos leitores!!!

Tô sumidinha aqui do blog, mas por uma boa causa: a faculdade.
Esse semestre tá bombando de trabalhitchos e é muita coisa pra fazer… tô meio sem tempo pra escrever e até mesmo pra ler!!!!

Ontem visitei alguns blogs muito bacanas, que em breve faço a função de pesquisar o histórico e postar aqui pra vocês verem também.
Um melhor que o outro!

Por enquanto deixo esse cartaz que chegou no meu e-mail essa semana sobre uma exposição de arte contemporânea lá no México.

Perdona-me!



beijos beijos!


Bom finds! 😉

Touchy.

Então.. e sobre a estação pinacoteca: fui lá no final de semana passado visitar a exposição da qual falei aqui pra vocês dos desabrigados e de pessoas que já sofreram algum tipo de situação de abandono.

E nisso, olha que doidera, fiquei emocionada! :~

mesmo… gente.. os desenhos são mt inocentes, são mt humildes. São imagens de burrinhos, na maioria de paisagens ligados ao meio rural, e tem umas escritas e jogos de palavras como por exemplo um dos quadros que diz “Cem palavras. Sem palavras.” e coisas desse tipo.

 

Bem.. achei uma iniciativa boa apesar de ser num espaço relativamente mais escondidinho da Pinacoteca. Mas ok, vamo combinar que public display of tears é uma coisa mt forte. Melhor assim mesmo.

image_preview

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

E quem bombou foi:

Chelpa Ferro – Totoro 
Trabalho do grupo Chelpa Ferro, criado especialmente para o Projeto Octógono Arte Contemporânea. Nesta instalação, o grupo, formado por Barrão, Luiz Zerbini e Sergio Mekler, apresenta uma programação musical em grandes caixas de som que sobem e descem, num movimento contínuo, durante oito horas, provocando audições diferenciadas em cada patamar. 
De 25 de janeiro a 29 de março de 2009

 

 

Mas………………………

 

 

Vamo combinar que o show á parte fica por conta do acervo de gravuras, pinturas e uras-uras das décadas de 50 e 60 brasileiras e a galera do concretismo que dá um show em ilusão de ótica, cores e quadradinhos por tudo quanto que é canto. Listras, esculturas cubistas, outra que projeta sombra na parede de tal forma que completa a escultura.
Muito bacana.

 

E as esculturas também são incríveis e a exposição sobre o século XX também. Tem um quadro gigante com uma visão em perspectiva do pavilhão da bienal que quando você chega perto pra observar vê que a linha “pontilhada” na verdade são números! em sequência!!! miltrezentosenoventaeoito e…. miltrezentosenoventaenove e assim por diante!!! hahaha mt bom!!! 

Nessa hora eu pensei “é.. tem gente ou mais ou tão maluca quanto eu!” mt bom!

Podia tirar foto.
Mas a linda aqui está sem máquina digital e nao tinha levado celular. Cheers!

 

Outra coisa…………….

 

Rolou hoje lá na faculdade a Aula Magna com o Tufi Duek.

Ele deu uma palestra sobre Moda, sua marca e sua visão e posicionamento diante do mercado têxtil e mencionou, claro!!!, Marc Jacobs. Só faltou ele falar que a namorada dele (A Casas Bahia’s Heir) abriu uma loja pro cara no Jardins e puxar a sardinha por lado deles.
Mas tá certo né? quem num quer umas férias com o love em Cancun?
Expondo sua idéia clara de que o lado dele é o business de Moda e que ele quer que todo mundo use as roupas dele independente de quem seja, falou-se de Semana de Moda de Nova York.

A-DO-REI a menina que perguntou dele o porquê que ele não está desfilando por lá. Não sei se ele ficou meio puto ou meio sem graça ou uma mistura dos dois.

JE-SU-SA! o cara falou que negou participar da semana e coisa e tal… mas na boa, falou que o que todo mundo quer é estar em NY.

Quanta convicção.

Hello! Não sei quem é esse todo mundo. MAS EU, penso, particularmente em Londres. Europa, benzinhô! Não só pelo fato de ser o berço da cultura da humanidade mas também por ser uma das semanas característcicas dos novos talentos saídos da Saint Martin School. Faculdade em que grandes nomes como Estella McCartney, Alexander McQueen, GarethPugh, Christopher Kane entre outros estão atrelados. E nomes também como Vivienne Westwood estão ligados á cena londrina. muito bem, obrigado.

Mas sei lá ne… hoje em dia com o Francisco Costa na CK.

O próprio Tufi apontou os pontos sobre trabalhar para alguém e não ser dono de coisa alguma (sempre exemplos de estilistas que trabalham pra grandes maisons francesas e européias de forma em geral.) e tudo mais. E ainda ferveu soltando frases entrelinhadas de efeito como “Vai trabalhar!” 

Brainstorm do momento: Ck – Jeans wear- Ready to wear.
Acho kinda boring essa coisa de ready to wear. E o perfil inserido por lá.

Mounsier Largerfeld já dizia: “Its not about when, but how.”

Então, vamos refletir.

Estação Pinacoteca

Está expondo arte de rua literalmente. São 30 artistas que moram em albergues e que ou já moraram ou moram nas ruas.

São pessoas que carregam consigo uma historia de abandono, onde a solidão as acompanham e que viram na arte uma boa oportunidade para resgatar seus sonhos despedaçados.

Vale a pena conferir.  =)

pinacoteca

Rio de Janeiro….

E acontece mais uma vez na Universidade Veiga de Almeida, um dos interessantes workshops que dessa vez será ministrado pela professora e coordenadora do curso de Moda Luciana Maia.

O flyer segue abaixo:

workshop_burlemarx2009_r1_c1workshop_burlemarx2009_r2_c1

In The City….

Whitney Port apareceu com um look bem interessante num  Los Angeles International Airport.
Um look básico coordenado com acessórios em cores vibrantes e um trenchcoat xadrezinho super cool e o melhor ficou pela cor da unha!

Um loosho!
pic_02 
Mas ein…. e esse sutiãzenho de renda aparecendo pelo decote das costas?
Ainda bem que pro local onde ela estava é tranquilo se vestir assim, ne?
O casaquinho salvou… =) 

8a7251984cc62929_031009whitneygw

 

***

Pras Teenagers…

Pra quem tem irmã mais nova, ou da melhor amiga, pra sobrinha,  …

Tá rolando um concurso pra Pastry onde as mocinhas tem que enviar uma foto usando alguma coisa rosa no look e dizer o por que de melhor representar a marca.

pastry

***

alessandra_ambrosio