Desconstruindo ideias.

E não… ainda digo mais.

Continuando o post anterior… essa ideia europeia de idealizar o sexo oposto perfeito em loirx dos olhos azuis é um puta padrão escroto.

Porque JURO POR DEUS. Não é desmerecendo ninguém mas QUANTAS VEZES eu já não vi meninas HORROROSAS, GORDAS, juro.. meninas que não tinham padrão estético nenhum de beleza e que tavam com um puta cara gato do lado Só porque tinham cabelo comprido e loiro?

QUE PUTA COISA ESCROTA.

E eu lá… LINDA. MARAVILHOSA. MAGRA. SARADA. Não tão rica assim hahahhahaha Mas porra não tenho o cabelo comprido e loiro e não ouço PAGODE SAMBA SERTANEJO AXÉ FUNK essas merdas e não tô com o boyzinho padrão estilo europeu do lado.

Caralho… O que raios há de errado nos homens? O que raios há de errado nas mulheres?

Isso me revolta… porque eu nunca acho um cara legal. Sempre acho os caras que eu saio zuados e nunca acho cara nenhum do jeito que eu quero.

Tiiiiiinha um cara que eu falava que eu achava ele super lindo… o TB… Mas ele nunca me deu mole… Esses caras que eu gosto nunca gostam de mim.

😦

Pô … acho que eu tinha que frequentar uns lugares mais descolados… sei lá… onde eu acho os caras bonitos mesmo sabe assim? que vão ter o estilo que eu curto. Aí pouco importa se o cara é loiro, moreno, tem olho verde, azul, castanho…

O outro lá que eu gostava se assumiu gay. Aí ficou difícil…

Mas é nessa pegada de cara que eu curto… tatuado… cabelinho liso raspado… ou curtinho sei lá…. estiloso… pa…. onde que eu acho isso em SP?

HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAH #Nacaça

Será que eu vou pra TOKYO? Será que eu vou pro Mandíbula? Será que eu tenho que sair mais? Será que eu vou pra essa balada nova que abriu em SP? Será que eu vou pro Jerome?

Gente…. preciso conhecer alguém legal pra ter um casinho de amô.

E não precisa ser um advogado né? Pq vaaaaamo combinar…. advogado não dáááá!!!!!

197636_10150247206012816_6535039_n223892_10150247194892816_3540055_n250102_10150247194787816_4492147_n282142_10150247194727816_6543207_n

 


Anúncios

Como eu exergo as relações homem/mulher na minha vida atual.

É um fato crítico.

Mas eu vejo a cada dia mais que passa os homens que entram em contato comigo pelas redes sociais me enxergarem como a “Lucky_Diva”… essa figura emblemática que se tornou um nickname nas redes sociais que mostra o dia a dia nelas e acham que podem dar em cima de mim aleatoriamente sem qualquer preocupação com o que eu sou de verdade.

Não estão preocupados com o que eu passo na vida real, com minhas angústias, meus medos, meus planos pro futuro… pelo que eu passo… não. Só estão preocupados em me levar pra sair, ficar comigo e me comer.

É impressionante a quantidade de assédio que eu recebo de homens com o mesmo perfil nas redes sociais. É vazio, é tosco, é fútil e é o retrato de uma sociedade que só se preocupa com as aparências projetadas pelas mídias.

No plano fático, na vida real, não há tanta diferença… as relações continuam vazias… apenas preocupadas com o momento. Com a diversão de um dia, de uma noite, de algo efêmero que se termina por si só e não materializa por algo constante. Por uma projeção pro futuro. Por algo a ser construído, por algo com propósito.

Estamos vivendo em uma era contemporânea marcada pelo individualismo onde a busca pelo prazer imediato se sobrepõe a qualquer ideia de amor idealizado. De uma busca pelo parceiro ideal onde devemos pagar o preço pela confiança, pela lealdade, pela exclusividade, pelo afeto, pelo companheirismo…. e todas essas questões caras ao amor.

A quantidade se sobreleva á qualidade.

A busca pela estética, e aqui cabe dizer que eu possuo a estética, se perfaz suficiente para estancar o que o amor seria capaz de oferecer.

O dinamismo das relações, diria eu, a velocidade que elas começam e terminam não ultrapassam coisa de um dia. Uma saída. Porque como as coisas não tem um propósito para existir a não ser o prazer momentâneo, não existe razão para que aconteçam de novo.

Eu coloquei um piercing nas minhas regiões íntimas e fiquei desde o ano passado sem ter nenhum tipo de relação sexual e vou dizer que não me fez falta alguma. Eu realmente não tinha a menor vontade – e até hoje não tenho – de apenas me relacionar com uma pessoa puramente por sexo.

Acontece que se eu saio com um cara e eu tenho vontade de sair com ele é porque eu tenho a vontade de ter algo com ele… pelo menos de sair mais de uma vez com ele…. e se eu sentir vontade de transar com ele eu acabo transando.

Mas acho que preciso mudar isso. Porque na maioria das vezes, o cara como já transou comigo não quer mais nada comigo a não ser sexo e eu acabo desencanando do cara. E acho o cara tosco.

Acho que ser “livre” demais traz problemas.

Melhor mudar a estratégia. hahahahah

Até porque não dá pra adivinhar se o cara é legal antes de sair pela primeira vez com ele… vai que eu saio lá e o cara é magrelo, ou baixinho, ou gordo… ou tem bafo de cigarro ou chulé? Ou é careca? Ou não tem dente? É peludo? HAHAHAHAHHAAH caralho, com quem eu to saindo? hahahahhahahaha LoL

Enfim…. tem que ter uns critérios…

Ou seja, nessa salada mista de QUERO ISSO mas FAÇO AQUILO fica mais complicado ainda de se chegar no objetivo final …  que é achar um cara lindo maravilhoso pra namorar. hahahhaahaa ❤

Só peço pra que se você seja um desses caras malas que vivem me assediando pelas redes sociais – pare. Porque eu não tenho o menor interesse em sair com você.

Não tenho a menor vocação pra sair com meus fãs. Ou satisfazer os desejos de uma galera que sonha com um personagem que eu não sou.

Eu sou uma pessoa real, com desejos, medos, ansiedade, que toma remédio, que luta com dificuldades, que se acha pior do que realmente sou, que rala pra caralho e tem umas crises no meio do caminho e realmente acredito que se for pra uma pessoa estar ao meu lado ela deve querer tanto o meu lado positivo quanto o meu lado negativo. E isso se chama amor.

E não uma trepada no meio da noite com um fã de instagram.

Se for pra conhecer alguém eu não vou conhecer em aplicativo de paquera. Eu não vou conhecer pelos DM de instagram, eu não vou conhecer pelo facebook… eu vou conhecer na vida real. Como eu não sei. Porque mal saio de casa.

Mas sei lá… um dia eu sei que vou conhecer uma pessoa legal que vai preencher meus requisitos e eu os dela.

Então assim… é isso.

Me errem. 🙂

Com amor,

Maíra Brito.

 

Let there be Moss.

Sei que já faz um tempinho essa notícia sobre a estadia de Miss Kate Heroin Chic Moss no Brasil, mas achei umas fotos na web bem interessantes sobre a passagem dela pelas terras tupiniquins e resolvi postar.

Ela veio com sua filha Lila e seu noivo, o guitarrista da banda The Kills, Jamie Hince.
Participou da festa da Vogue brasileira e posou pras lentes de Mario Testino.

Aqui vai um prato cheio pra todos vocês, fans da modeletchy.

 

Já em São Paulo, Kate aparece toda de preto, batonzão vermelho e bolsa verde-água.

Fonte: R7 Entretenimento.

Super Aprovo!

Adoro casais tudo a ver juntos! ♥

Voces se lembram daquele seriado da Sony chamado Third Rock from the Sun? Que tinha o gatinho do Josef Gordon-Levitt?
O meio japinha, meio magrinho?  aiaiaiai… Ele ta de affair com ninguém menos que Devon Aoki.

A diva japa máxima!!!! Que fez filmes como Sin City e fotos com o Nick Knight para Alexander Mc’Queen.

Amor, Sexo e por que traímos.

O Talk Every Day, ou em outras palavras, o TED é um site onde tem várias palestras interessantes sobre os mais variados assuntos e está previsto pra acontecer no Rio de Janeiro. No vídeo abaixo Helen Fischer arrebenta nossos pensamentos com uma palestra sobre a mulher no mercado de trabalho, envolvimento entre duas pessoas, obsessão, intimidade, amor e procriação. Vale dar uma conferida.

Helen Fisher fala sobre porque amamos e traímos.

O evento vai acontecer no Rio de Janeiro ainda esse ano e quem estiver interessado em dar uma palestra quebra-tudo de 20 minutos de duração pode entrar em contato através do email: ericn91@gmail.com

***