Como eu exergo as relações homem/mulher na minha vida atual.

É um fato crítico.

Mas eu vejo a cada dia mais que passa os homens que entram em contato comigo pelas redes sociais me enxergarem como a “Lucky_Diva”… essa figura emblemática que se tornou um nickname nas redes sociais que mostra o dia a dia nelas e acham que podem dar em cima de mim aleatoriamente sem qualquer preocupação com o que eu sou de verdade.

Não estão preocupados com o que eu passo na vida real, com minhas angústias, meus medos, meus planos pro futuro… pelo que eu passo… não. Só estão preocupados em me levar pra sair, ficar comigo e me comer.

É impressionante a quantidade de assédio que eu recebo de homens com o mesmo perfil nas redes sociais. É vazio, é tosco, é fútil e é o retrato de uma sociedade que só se preocupa com as aparências projetadas pelas mídias.

No plano fático, na vida real, não há tanta diferença… as relações continuam vazias… apenas preocupadas com o momento. Com a diversão de um dia, de uma noite, de algo efêmero que se termina por si só e não materializa por algo constante. Por uma projeção pro futuro. Por algo a ser construído, por algo com propósito.

Estamos vivendo em uma era contemporânea marcada pelo individualismo onde a busca pelo prazer imediato se sobrepõe a qualquer ideia de amor idealizado. De uma busca pelo parceiro ideal onde devemos pagar o preço pela confiança, pela lealdade, pela exclusividade, pelo afeto, pelo companheirismo…. e todas essas questões caras ao amor.

A quantidade se sobreleva á qualidade.

A busca pela estética, e aqui cabe dizer que eu possuo a estética, se perfaz suficiente para estancar o que o amor seria capaz de oferecer.

O dinamismo das relações, diria eu, a velocidade que elas começam e terminam não ultrapassam coisa de um dia. Uma saída. Porque como as coisas não tem um propósito para existir a não ser o prazer momentâneo, não existe razão para que aconteçam de novo.

Eu coloquei um piercing nas minhas regiões íntimas e fiquei desde o ano passado sem ter nenhum tipo de relação sexual e vou dizer que não me fez falta alguma. Eu realmente não tinha a menor vontade – e até hoje não tenho – de apenas me relacionar com uma pessoa puramente por sexo.

Acontece que se eu saio com um cara e eu tenho vontade de sair com ele é porque eu tenho a vontade de ter algo com ele… pelo menos de sair mais de uma vez com ele…. e se eu sentir vontade de transar com ele eu acabo transando.

Mas acho que preciso mudar isso. Porque na maioria das vezes, o cara como já transou comigo não quer mais nada comigo a não ser sexo e eu acabo desencanando do cara. E acho o cara tosco.

Acho que ser “livre” demais traz problemas.

Melhor mudar a estratégia. hahahahah

Até porque não dá pra adivinhar se o cara é legal antes de sair pela primeira vez com ele… vai que eu saio lá e o cara é magrelo, ou baixinho, ou gordo… ou tem bafo de cigarro ou chulé? Ou é careca? Ou não tem dente? É peludo? HAHAHAHAHHAAH caralho, com quem eu to saindo? hahahahhahahaha LoL

Enfim…. tem que ter uns critérios…

Ou seja, nessa salada mista de QUERO ISSO mas FAÇO AQUILO fica mais complicado ainda de se chegar no objetivo final …  que é achar um cara lindo maravilhoso pra namorar. hahahhaahaa ❤

Só peço pra que se você seja um desses caras malas que vivem me assediando pelas redes sociais – pare. Porque eu não tenho o menor interesse em sair com você.

Não tenho a menor vocação pra sair com meus fãs. Ou satisfazer os desejos de uma galera que sonha com um personagem que eu não sou.

Eu sou uma pessoa real, com desejos, medos, ansiedade, que toma remédio, que luta com dificuldades, que se acha pior do que realmente sou, que rala pra caralho e tem umas crises no meio do caminho e realmente acredito que se for pra uma pessoa estar ao meu lado ela deve querer tanto o meu lado positivo quanto o meu lado negativo. E isso se chama amor.

E não uma trepada no meio da noite com um fã de instagram.

Se for pra conhecer alguém eu não vou conhecer em aplicativo de paquera. Eu não vou conhecer pelos DM de instagram, eu não vou conhecer pelo facebook… eu vou conhecer na vida real. Como eu não sei. Porque mal saio de casa.

Mas sei lá… um dia eu sei que vou conhecer uma pessoa legal que vai preencher meus requisitos e eu os dela.

Então assim… é isso.

Me errem. 🙂

Com amor,

Maíra Brito.

 

Anúncios

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s